40 milhões de dólares, num luxuoso "brinquedo" chamado iate

Há os abastados, há quem seja rico, há os milionários, e depois há os bilionários... e são estes capazes de desembolsar 40 milhões, de uma só vez, para comprar um iate de 55 metros. Esta foto foi tirada em Estocolmo e o seu dono é o empresário Bruce Grossman que vive a bordo deste hotel flutuante. Tudo é deslumbrante: o design, a imponência da sua envergadura, a sua beleza, ..., que nos faz sonhar em ter um de igual modo. Mas colocando as coisas em perspectiva, o neto do fundador da Danone acabou de doar 50 milhões à fundação Champalimaud para a construção de um centro de pesquisa e tratamento do cancro do pâncreas. Valores semelhantes, mas que são para benefício de todos e não de um só.

Até na Suécia são contra a exploração de petróleo no Algarve

Na recente visita que fiz a Estocolmo, a capital da Suécia, deparei-me com uma situação interessante. Na ponte Riksbron que liga a cidade à ilha de Gamla-Stan, amontoavam-se inúmeros cadeados, ali colocados por casais de namorados ou casados para celebrarem o seu amor. Nada de extraordinário, não fosse um grande autocolante amarelo a destacar-se junto a este amontoado de cadeados e no qual se lê "Algarve oil, no thanks" cuja tradução significa "Petróleo no Algarve, não obrigado". Achei pertinente e curioso tal demonstração contra a exploração de petróleo no sul do nosso país, na distante Suécia... A questão agora é quem foi o autor? Terá sido sueco? Um português ?..