Catalunha e a luta não violenta

Às 6 da manhã a guardia civil irrompeu nas casas de 9 pessoas aos gritos de "todos al suelo". Numa dessas casas havia menores. Procuravam explosivos. Encontraram material que provavelmente serviria para construir explosivos para um provável ataque que mataria provavelmente centenas de pessoas. Este ataque se fará provavelmente quando seja publicada a sentença dos 9 políticos e líderes sociais independentistas que já cumprem dois anos de prisão preventiva. Como provavelmente uma parte importante da população não gostará da sentença, esta ação foi vista por uma parte como uma manobra para coibir a reação popular. Espanha segue sem oferecer uma solução política ao Povo Catalão.